fbpx
Pular para o conteúdo

Muitos fãs, pouco engajamento

Coca-Cola : pouco engajamento

Existem marcas que estão no Facebook apenas para angariar o maior número de fãs no seu segmento. Apesar de ser uma métrica um tanto confusa e muitas vezes inútil, essa é uma prática muito comum no mercado. O que será feito com esses milhões de fãs? Ninguém sabe! Não foi feito um planejamento.

Ainda assim, os executivos se gabam de ter “25 milhões de fãs” no Facebook. Ter muita gente curtindo a sua página não significa que existe a mesma proporção de engajamento. Geralmente, quanto maior for a audiência, menor é a taxa de engajamento. Uma matéria do portal Exame mostrou muito bem essa relação.

A pesquisa produzida pelo SocialBakers mostra que o maior engajamento está em páginas que não costumam atrair um grande número de fãs. O exemplo mostrado na reportagem é o contraponto entre a Coca-Cola (com 41 milhões de fãs) e a Renault ZE (com 15 mil fãs). A taxa de engajamento da primeira marca nem chegou a aparecer no TOP 5 do setor. A liderança ficou com a Friskies e a sua comunidade de adoradores de gatos.

A Renault ZE teve quase 3% de crescimento no seu número de fãs engajados. Isso, dentro do setor que mais engaja no Facebook significa bastante. O gráfico abaixo mostra essa relação com detalhes interessantes:

Pesquisa SocialBakers.com

Talvez esses números sirvam para trazer esclarecimentos a quem está ávido por uma meta que não vai significar nada. Afinal, se aquele “Curtir” não for convertido em interações válidas para a marca, não há muito sentido em insistir para que as pessoas curtam. Ter um plano, saber o que esperar e instigar as conversões é o que vale.

Como isso acontece?

Ter muitos fãs é bom. Claro que é. Mas não se esqueça de que você está lidando com pessoas que têm interesses e expectativas que podem ou não serem atendidos conforme o imaginado. O que pode ser entendido a partir deste estudo do SocialBakers é que o maior engajamento só aconteceu porque a marca soube conversar com aquele usuário.

Sendo assim, também entende-se que houve muito mais pesquisa e trabalho duro para entender o que aquelas pessoas querem, esperam e gostam na marca. O estilo de vida delas foi levado em conta e o conteúdo coube como uma luva. Nunca se esqueça de que você está escrevendo para pessoas.

Não custa lembrar que as plataformas sociais estão aí para interagir, conversar e contar histórias. Portanto, faça com que o seu perfil seja lido, comentado e passado a diante. Sem isso, você não está fazendo nada de diferente de um espaço comercial em um canal de televisão. Pense nisso 😉

4 comentários em “Muitos fãs, pouco engajamento”

  1. Muito seu artigo, são informações valiosas para profissionáis de todos os níveis, pois muitas vezes comete-se o erro de querer números e deixa-se de lado o mais importate, as pessoas que estão por trás deste número.
     

  2. Pingback: A vaidade das métricas de social media - Social41

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.